brasão governo do estado de são paulo

Em atendimento à legislação eleitoral (Lei nº 9.504/1997), os demais conteúdos desse site ficarão indisponíveis de 5 de julho de 2018 até o final da eleição estadual em São Paulo.

Cetesb sedia 16ª edição do curso “Primeiro no Local”

O Curso aprimora os profissionais que atuam nos primeiros atendimentos em acidentes rodoviários envolvendo cargas perigosas

Profissionais da Saúde e Meio Ambiente, Estadual e Municipal, no Curso Primeiro Local.

Da esquerda para a direita: Luiz Sérgio Valentim (CVS/CCD/SES-SP), Farida Conceição Pereira (CVE/CCD/SES-SP), Mário Teixeira (Cetesb), Flávio Prado Corrallo (SMMA de Diadema), Roberta Soares (Covisa/SMS-SP), Edson Haddad (Cetesb)

 

 

Geraldo do Amaral Filho, diretor de Controle e Licenciamento Ambiental da Cetesb, na abertura do Curso

 

 

Cetesb sedia 16ª edição do curso “Primeiro no Local”

 

A Cetesb sediou nos dias 22 e 23 de maio a 16ª edição do curso Primeiro no Local, uma iniciativa dos integrantes da Subcomissão de Estudos e Prevenção de Acidentes no Transporte Rodoviário de Produtos Perigosos da Região Metropolitana de São Paulo, atualmente coordenada pela Cetesb. Essa edição é fruto da parceria da Subcomissão com a Comissão Municipal para o Transporte de Cargas Perigosas, coordenada pela Defesa Civil da cidade de São Paulo, com as Secretarias Estadual e Municipal da Saúde. Desde 2011 já foram realizados 15 cursos Primeiro no Local em diversas regiões do estado de São Paulo, tendo sido capacitados mais de 1.800 profissionais.
O curso tem por objetivo aprimorar os procedimentos iniciais das instituições que habitualmente são as primeiras nos cenários dos acidentes rodoviários com produtos perigosos, de acordo com a norma ABNT NBR 14.064 que trata sobre o atendimento a emergências em rodovias.
Participaram desta edição cerca de 200 profissionais, representando instituições públicas e privadas que guardam relação direta ou indireta com o tema central, como, por exemplo, Defesa Civil, prefeituras, Guarda Civil Metropolitana, Guarda Civil Ambiental, órgãos de trânsito, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Estadual e Federal, Polícia Militar do Estado de São Paulo, concessionárias de rodovias, DER, órgãos ambientais, Vigilância Sanitária e Epidemiológica, Samu, GRAU, Cruz Vermelha, Exército Brasileiro, Sabesp, Pró-Química, ANTT, Comgas, SEST/SENAT, associações e empresas de transportes de produtos perigosos.
O curso teve início com as boas-vindas de Sérgio Valentim, diretor de Meio Ambiente do Centro de Vigilância Sanitária da Secretaria de Estado da Saúde; Magali Antonia Batista, diretora da Divisão de Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde; Cel. Edernald Arrison de Souza, coordenador geral do Condec-SP e presidente da Comissão Municipal para o Transpor de Produtos Perigosos; e Geraldo do Amaral Filho, diretor de Controle e Licenciamento Ambiental da Cetesb.
Geraldo Amaral representou o secretário Maurício Brusadin e o diretor-presidente da Cetesb, Carlos Roberto dos Santos. “Ter um pronto atendimento é a garantia que o risco será minimizado, a garantia que teremos uma gestão de conflitos localizada resolvida rapidamente. Para que isso aconteça precisamos ter pessoal capacitado, treinado e habilitado para enfrentar os problemas. Esse é o objetivo deste curso que recebemos aqui na Cetesb pela primeira vez”,  declarou.
Programa
Dia 22 de maio
– Introdução às emergências químicas: Mauro de Souza Teixeira (Cetesb)
– Perigos associados aos produtos químicos: Edson Haddad (Cetesb)
– Legislação, identificação e classificação de produtos perigosos: Major Marcos Rogério da Cunha (Comando de Policiamento de Trânsito)
– SICOE: Capitão Marcus Cardaci (Corpo de Bombeiros)
– Utilização do Manual de Atendimento a Emergências da Abiquim: Edson Haddad e Mauro de Souza Teixeira (Cetesb)
Dia 23 de maio
– Ações de resposta do setor saúde: Themis Mizerkowski Torres (Centro de Controle de Intoxicações; Maristela Uta Nakano (Samu); Cecília Damasceno (Secretaria Estadual de Saúde)
– Atendimento a emergências: ações iniciais: Mauro de Souza Teixeira (Cetesb)
– Exercícios teóricos: Mauro de Souza Teixeira; Edson Haddad (Cetesb)
– Emergências radiológicas: Fábio Suzuki (IPEN)
– Furto de combustíveis e dutos: Milton Pino de Magalhães (Petrobras Transportes)
– Transporte de alimentos e produtos perigosos: Paulo Demarchi (Polícia Rodoviária Federal)
– Comissão Municipal de Transportes (Ronaldo Figueira – Condec SP)
– Subcomissão de Estudos e Prevenção de Acidentes TRPP da RMSP (Mauro de Souza Teixeira; Edson Haddad (Cetesb)


Texto: Dirceu Rodrigues
Fotos: José Jorge